Notícias de Primeira - Correio da Lavoura

Últimas notícias

14 de mai. de 2018

Notícias de Primeira


Por: Marcos Mendonça

Estarrecedor

Fernando de Carvalho Lopes
As recentes denúncias contra o treinador de ginástica Fernando de Carvalho Lopes são estarrecedoras. Durante muitos anos, segundo relatos, ele e outros abusavam sexualmente de atletas de várias idades, com a conivência de diretores e outros treinadores que faziam piada, entre eles Marcos Goto, atual coordenador da Confederação de Ginástica, que foi omisso. Em entrevista, Diego Hypólito, num ato de rara coragem, contou um serie acontecimentos vividos por ele ao longo da carreira, que se transformaram em traumas psicológicos. Nesse episódio cabe uma apuração rigorosa, com a total possibilidade de defesa aos acusados. Em se comprovada a culpa, penas rigorosas têm que ser aplicadas, para que isso jamais se repita. Cadeia para os molestadores de qualquer ordem.

O chilique do Reizinho

Juninho Pernambucano
Agora na imprensa, o ex-jogador de futebol Juninho Pernambucano mandou mal. Ao fazer uma análise no SporTV insinuou uma relação prostituída entre os repórteres setoristas (aqueles que cobrem o dia-a-dia dos clubes) com os dirigentes na formulação de notícias. Ao fazer essa declaração, além de ofender esse segmento jornalístico, mostrou total desconhecimento da rotina diária, onde o furo por notícias exclusivas é a busca maior. Não é a primeira vez que seus comentários fazem furor. Em outra oportunidade disse que a barração de Renê na equipe do Flamengo se deu porque o lateral é feio, nordestino e não é amigo de ninguém e discriminado pela torcida e dirigentes, o que provocou imediata reação no rubronegro. No campo foi especial, mas falando, deixa muito a desejar. Tá na hora de procurar outra coisa pra fazer.

Não deu

Presidente Alexandre Campello
A derrota de 4 a 0 para o Cruzeiro, põe fim ao sonho do Vasco na Libertadores. A superioridade da equipe mineira era evidente, mas a forma que o Vascão se despediu foi melancólica. Na realidade, conforme disse Zé Ricardo, não se ganha uma competição dessas, só com garra e determinação. É preciso ter elenco, time e estrutura no mesmo patamar. Se tem jogador bom, não se vende pelo primeiro dinheiro que aparece, para pagar conta de luz. Reforços precisam chegar, só indo à base para completar elenco. O novo presidente praticamente jogou a toalha quando disse que o clube está falido. Por causa do acordo com Eurico para ganhar a eleição, não peitou o ex-presidente sobre o dinheiro de Mateus Vital vendido ao Corinthians, afinal, no acordo, ele ficou com a presidência do Conselho Deliberativo. Tomara que no Brasileiro esse time dê pro gasto. Afinal, outro rebaixamento seria insustentável.

 A resposta é no campo

Maurício Barbieri
Os incidentes vividos pelo Flamengo com tentativas de agressões consumadas a Diego e o presidente Eduardo Bandeira de Mello, tem que ser colocados, como foram, na esfera policial. Nenhum torcedor tem o direito de agredir ninguém. Esses marginais têm que ser presos. Futebol é esporte e não guerra. A vitória contra a Ponte Preta pela Copa do Brasil é a resposta certa a ser dada. Líder do Brasileiro e da Libertadores, o que mais esses torcedores querem. Se futebol é resultado, eles estão aí. Maurício Barbieri ao que parece vai ser mantido, e precisa de tranquilidade para trabalhar, se é que isso é possível na Gávea. A Nação precisa apoiar e cobrar dentro da civilidade. Ainda bem que os exaltados são poucos, em relação à grandiosidade da torcida.