COMEÇARAM AS OBRAS DO HOSPITAL DE CAMPANHA DE NOVA IGUAÇU - Correio da Lavoura

Últimas notícias

15 de abr. de 2020

COMEÇARAM AS OBRAS DO HOSPITAL DE CAMPANHA DE NOVA IGUAÇU


A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Obras (Seinfra) iniciou, na segunda-feira (13/4), as obras do hospital modular de Nova Iguaçu, destinado a pacientes graves de Covid-19. A unidade está localizada no Aeródromo da cidade, na Avenida Governador Roberto Silveira, nº 1.500. A área terá 300 leitos no Hospital Modular e mais 200 em Hospital de Campanha, totalizando 500 leitos, sendo 160 de UTI.

- Esse hospital de Nova Iguaçu poderá atender pacientes de toda a Baixada Fluminense que infelizmente tenham suas condições agravadas. A obra será feita em fases com as primeiras 100 unidades prontas já no início de maio e o restante em mais 20 dias. Ficamos honrados com essa missão que nos foi dada pelo governador Wilson Witzel. Ter esse hospital pronto o mais rápido possível ajudará a salvar vidas - diz o secretário de Estado de Infraestrutura e Obras, Bruno Kazuhiro.

A Seinfra está encarregada de fazer 300 leitos, sendo 120 de UTI e o restante de enfermaria, mas que podem ser revertidos para CTI, se for necessário. As instalações serão divididas em três blocos com investimento de R$ 62 milhões. Outros 200 leitos (sendo 40 de UTI) estão sendo feitos pela Secretaria de Estado de Saúde em formato de hospital de campanha.

Por ser montado com material modular e resistente, com capacidade para atendimentos de média e alta complexidade, a unidade modular de Nova Iguaçu terá uma estrutura similar aos hospitais de grande porte do estado do Rio e será um legado para a saúde pública do Estado. Após o fim da pandemia, o equipamento poderá ficar no local ou ser desmontado e aproveitado para a montagem de outros equipamentos na região, estratégia que ficará a cargo da Secretaria estadual de Saúde.

Para Edmar Santos, secretário de Estado de Saúde, a montagem é um projeto que surgiu com a crise, mas seguirá beneficiando outras pessoas no futuro:

- Será mais uma entrega que ficará como legado desse enfrentamento ao novo coronavírus. Já abrimos centenas de leitos em hospitais que estavam abandonados há anos. Agora, com mais essas unidades, estamos fortalecendo o atendimento à população - explica Edmar Santos.

Para dar celeridade às intervenções, garantindo o cumprimento dos prazos solicitados pelo governador, o secretário Bruno Kazuhiro transferiu seu gabinete para o local da obra, que funcionará em três turnos.