INSCRIÇÕES PARA MONITORES DA CASA DA INOVAÇÃO - Correio da Lavoura

Últimas notícias

6 de ago de 2019

INSCRIÇÕES PARA MONITORES DA CASA DA INOVAÇÃO


Continuam abertas até amanhã quarta-feira (7), as inscrições para seleção de bolsistas para atuar no projeto "+CasasdaInovação" de Nova Iguaçu. São 40 vagas para alunos do Ensino Médio, regularmente matriculados em escolas ou Instituições da Baixada Fluminense. O edital com todas as informações sobre a seleção está disponível no link https://bit.ly/2GFdk9i. Os candidatos devem entregar os documentos na sala 104 do prédio da pós-graduação do Instituto Multidisciplinar da UFRRJ- Campus de Nova Iguaçu, no horário de 10h às 17h, ou, podem enviá-los escaneados para o e-mail editais.proext.2019@gmail.com.

As vagas são distribuídas da seguinte maneira: 38 para bolsistas de Iniciação Científica Júnior, sendo 28 para estudantes com disponibilidade para trabalhar com idosos e crianças e 10 para aqueles com disponibilidade para aprender linguagem de programação, e duas para bolsista de Iniciação Científica Júnior para a área de Inovação, Arte e cultura, destinadas a alunos do Ensino Médio com experiência comprovada em atividades de artes e cultura na área de fotografia, artes cênicas, poesia, literatura, contação de histórias e afins.

Os estudantes selecionados vão atuar 20 horas semanais no projeto (6 horas em atividades práticas e 14 em pesquisa e orientação sob supervisão). A bolsa é de R$ 200 por mês, de acordo com a tabela de Bolsas de Iniciação Científica Junior do Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico (CNPq), e terão validade de seis meses, com possibilidade de prorrogação por mais seis.

O projeto + Casas da Inovação é uma parceria da Secretaria Municipal de Assuntos Estratégicos, Ciência, Tecnologia e Inovação (SEMACTI) de Nova Iguaçu e a Pró- Reitoria de Extensão da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (PROEXT). O objetivo é Implantar 10 novas Casas da Inovação no município, que já possui uma em funcionamento. 

A Casa da Inovação é um centro de formação de habilidades digitais com ações que visam o combate às desigualdades tecnológicas através da inserção de crianças, jovens, adultos, terceira idade, pessoas com deficiência e demais cidadãos iguaçuanos nas tendências do futuro mercado de trabalho, bem como na usabilidade das competências digitais no dia a dia.

As seis primeiras novas unidades deverão ser inauguradas em setembro nos bairros Rancho Novo, Jardim Paraíso, Jardim Nova Era, Tinguá, Valverde e Moquetá. Outras três serão entregues até o final do ano, uma delas no Shopping Nova Iguaçu, em um espaço de 600m² com capacidade para atender 2 mil alunos. No total, as dez unidades terão capacidade para atender a mais de 7 mil pessoas.

Foto - Divulgação/PMNI