EXAMES PELO SUS TAMBÉM NOS FINS DE SEMANA EM NOVA IGUAÇU - Correio da Lavoura

Últimas notícias

9 de jul de 2019

EXAMES PELO SUS TAMBÉM NOS FINS DE SEMANA EM NOVA IGUAÇU


Para zerar a fila de espera por exames de ressonância magnética  e cintilografia pelo Sistema Único de Saúde (SUS), a Prefeitura de Nova Iguaçu ampliou os dias de atendimento também para os fins de semana. A iniciativa foi possível após a Secretaria Municipal de Saúde assinar convênio com a clínica Dimagem Diagnóstico, que desde junho passou a atender pelo SUS.

No último domingo (7), 35 pacientes foram agendados para realizarem exames na clinica. O convênio permite também a realização de mamografias.

“Vim acompanhar estes exames tão complexos, que são importantes acontecerem também aos fins de semana. Muitos trabalham e não conseguem fazer durante a semana", afirmou o prefeito Rogerio Lisboa, que visitou a clinica neste domingo. Ele explicou que o convênio foi viabilizado graças a decisão do Governo do estado de reajustar os recursos repassados mensalmente ao Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI), o que possibilitou à prefeitura remanejar recursos do orçamento municipal, antes gastos no custeio da unidade, para outras áreas da saúde, como a realização dos exames.

Com uma lesão no cervical e no lombar, a técnica de enfermagem e moradora de Santa Rita, Valesca Jordina Pereira do Nascimento, de 32 anos, foi uma das pacientes que estavam agendadas para este domingo. Ela ficou surpresa quando recebeu a ligação informando que o exame estava liberado.

“Sinto muitas dores e já estava até me acostumando com a ideia de que ia ficar sem o exame, até que me ligaram e informaram que estava neste agendamento. Saio daqui satisfeita, pois esse exame é muito caro. Não tenho condições de pagar. Estou feliz por ter saído desta fila, pois aguardava fazer este exame há um ano”, disse ela. Quem também saiu da fila foi a diarista Maria do Céu, 57. Moradora de Rodilândia. “Sou diabética e tenho problema no estômago e coluna. Aguardava há três anos para ser chamada. Esse convênio da Prefeitura com a Dimagem não vai só ajudar as pessoas a se tratarem, mas sim salvar vidas de muita gente no município”, acredita a diarista.

Por mês, serão realizados uma média de 550 exames na clínica, pelo SUS. A meta, segundo a Secretaria de Saúde é agendar 40 pacientes entre sábados e domingos, até zerar a fila. O sistema começou a ser adotado no fim de semana passado. O agendamento é feito pela Central Municipal de Regulação, que entra em contato com os pacientes que já haviam dado entrada e aguardavam vaga para os exames. Os pacientes com pedidos novos, devem procurar o posto de saúde para solicitar o agendamento. É preciso ter o pedido médico, identidade com foto, comprovante de residência e cartão do SUS. 

Desde 2016 os exames de cintilografia e ressonância magnética não eram realizados em Nova Iguaçu pelo SUS. Os pacientes eram encaminhados para clínicas conveniadas ou centros de imagens de outras cidades, através da Central Municipal de Regulação. Atualmente há 2397 pessoas na fila de espera do exame de ressonância magnética. 

O secretário municipal de Saúde, Manoel Barreto, destacou que o convênio entre Prefeitura e a Dimagem vai acelerar o andamento da fila de espera.  “Acreditamos que em três meses vamos zerar essa fila de ressonância magnética. Tem exame no particular que custa até R$ 800. Vamos atender muita gente que não tem condições de pagar um valor como este e que há anos aguardava na fila. Pagamos à Dimagem a tabela SUS. Nada à mais que isso”, disse o secretário.

“Serão agendados 35 exames de ressonância no domingo e dez no sábado, que neste dia ainda terão 15 mamografias. A fila de cintilografia deste ano já está praticamente zerada, pois temos somente 64 pacientes”, comentou Maria Fabiana da Silva Neves, subsecretaria de Regulação, Controle e Avaliação. Entre os exames realizados na Dimagem estão a ressonância no crânio, face, sela túrcica, coluna, tórax, membros superiores como braço e ombro, abdômen e pelve, entre outros.