BELFORD ROXO ENCERRA CAMPANHA DO AGOSTO DOURADO COM PALESTRAS - Correio da Lavoura

Últimas notícias

30 de ago de 2019

BELFORD ROXO ENCERRA CAMPANHA DO AGOSTO DOURADO COM PALESTRAS

O Policlínica do Parque São José, em Belford Roxo, encerrou nesta sexta-feira (30), a conscientização do “Agosto Dourado”. A ação foi marcada por palestras para cerca de 15 gestantes sobre a importância e os benefícios da amamentação, que ainda tiveram acesso a informativos com os temas “Amamentação é a base da vida” e “O real valor da amamentação”. O evento fez parte da campanha dedicada à intensificação das ações de promoção, proteção e apoio ao aleitamento materno. A Policlínica atende, em média, 140 gestantes por mês e agenda consulta para o pré-natal toda quarta-feira, pela manhã. As interessadas devem estar munidos de identidade, CPF, comprovante de residência no nome da paciente, cartão do SUS (Sistema Único de Saúde) e ultrassonografia.

O secretário de Saúde, Flávio Vieira, alertou sobre a importância da amamentação direta no peito das mães. “Muitas mães não têm essa preocupação por opção. Vamos continuar realizando campanhas como essas em outros locais para que as mães se conscientizem dos benefícios da amamentação até pelo menos os seis meses de idade, que é quando as crianças crescem fortes e menos suscetíveis a doenças. Outra coisa que vale alertar são as substâncias que tem nas mamadeiras que podem fazer mal às crianças”, destacou Flávio, que aproveitou para percorrer as instalações da Policlínica do Parque São José.

A enfermeira do pré-natal, Aline Nunes, destacou em sua palestra a importância do leite materno até os seis meses de vida do bebê. “Além disso passamos dicas importantes para as gestantes, como a preparação da mama, a exposição ao sol, alimentação durante o pré-natal e após o parto e a higiene das mãos”, informou. A nutricionista, Janaina Souza, falou sobre a alimentação. “É importante que as mães tenham ciência de que devem ter uma alimentação adequada, evitando bebidas alcóolicas e gaseificadas. Ensinamos todo o procedimento para o ato de alimentação tranquilo e as informações sobre o teor nutricional do leite materno. Além disso, explicamos que o primeiro líquido que sai da mama é rico em proteína e água e o último com gordura, e a importância de colocar a criança para arrotar, evitando gases”, frisou.

DIREITOS E BENEFÍCIOS

Já a assistente social do Cras (Centro de Referência de Assistência Social) Santa Maria, Daniela Farias, ministrou uma palestra sobre os direitos e benefícios para as gestantes dentro do Cadastro Único e no Bolsa Família. “Os mais relevantes são o benefício Nutriz, onde é reforçada a alimentação do bebê, mesmo que não more com a mãe e a criança precisa ter seus dados incluídos no Cadastro Único até o sexto mês de vida e o benefício à gestante, que é um auxílio às mulheres grávidas que estão inseridas no Bolsa Família na Saúde”, explicou. Cerca de 10 estagiários também participaram das palestras.

Grávida de 37 semanas, e mãe de duas crianças de seis e quatro anos, Thainá dos Santos, 23, é paciente da Policlínica do Parque São José. Ela confessou que mesmo já sendo mãe, havia detalhes que ela não sabia. “O que me chamou a atenção foram os alimentos que dão gases. Eu não sabia quais eram e ouvi na palestra. É importante que mais ações como essa sejam realizadas”, destacou. Thainá ainda elogiou as consultas. “Estava comentando com uma amiga que eu sou muito bem atendida na policlínica”, ressaltou. 

O diretor da policlínica, Wagner Viana, informou que as especialidades oferecidas são ginecologia, cardiologia, clínico geral e pediatria. Além de médicos e enfermeiros, a unidade conta com nutricionista, assistente social e psicóloga. E os serviços de pré-natal, preventivo, teste do pezinho, vacinação, teste rápido, além dos programas de tabagismo, o melhor em casa e a confecção do cartão do SUS. Ao todo, a unidade conta com 26 funcionários.

Foto - Cláudio Nunes